Pisos que simulam madeira são solução prática e econômica de decoração

0

Decorações com piso de madeira são atemporais. Sua estética simples e clássica permite uma adequação fácil a qualquer estilo, com garantia de elegância.

No entanto, o preço e as dificuldades de manutenção desse tipo de assoalho complicam a vida de quem quer adotar o visual em seu apartamento.

Felizmente, existem diversas opções no mercado que recriam o aspecto da madeira com uma fração do custo e muito mais praticidade na hora dos cuidados e da preservação do material. Conheça algumas delas!

Piso vinílico

Reprodução: Pinterest

Conhecidos internacionalmente como Luxury Vinil Tiles (LVT), os pisos vinílicos conseguem reproduzir fielmente os efeitos da madeira, com uma camada que emula a textura do material e outra que garante proteção, tornando o piso mais durável e facilitando a limpeza.

O piso vínilico pode ser colado ou instalado por um sistema de encaixe (piso click), dependendo do produto escolhido.

Os contrapisos recomendáveis para essa instalação são cimento desempenado ou laje de concreto, mármores e granitos polidos, além de cerâmicas e porcelanatos bem aderidos e nivelados, com juntas até 5mm.

Não são recomendados qualquer tipo de madeira ou cerâmicas e porcelanatos desnivelados e com juntas maiores do que 5mm.

Reprodução: Pinterest

O piso vinílico deve ser limpo com solução de detergente neutro e água. Nunca utilize produtos de limpeza que contenham solventes ou derivados de petróleo em sua composição, pois estes irão danificar a superfície. Um pano úmido pode parecer uma solução prática, mas não limpa de fato o piso, apenas remove superficialmente o pó, e pode causar encardimento ao longo do tempo.

Em ambientes menores, recomenda-se a aplicação da solução de água e detergente neutro em todo o piso, deixando o ambiente “de molho” por cerca de 15 minutos. Terminado esse período, esfregue com uma vassoura de pelo. Remova a água suja e enxague com água limpa. Recolha o excesso com um rodo e pano limpo.

A necessidade de enceramento está relacionada à composição do piso escolhido. Para saber se o uso de cera é recomendável, não se esqueça de consultar o certificado de garantia do produto escolhido.

Piso laminado

Reprodução: Pinterest

O piso laminado é a alternativa mais comum para replicar o estilo da madeira, reproduzindo uma estética semelhante por um custo menor do que o do material verdadeiro.

Além disso, as peças são revestidas com melanina e óxido de alumínio, garantindo maior proteção.

A instalação do piso laminado requer uma manta que precisar adequada ao seu contrapiso. Verifique a melhor compatibilidade antes de realizar a compra.

Além disso, é importante checar possíveis irregularidades, como buracos, saliências, materiais quebradiços e areia solta.

Em locais sujeitos a ação do tempo como terraços, vitrines e sacadas, proteja o piso com toldos ou cortinas.

Os pisos laminados devem ser protegidos contra umidade. Para áreas externas, um capacho ou tapete de entrada pode ser a solução, evitando que água ou a sujeira seja levada pelo vento ou pelas solas de sapato. Outra forma de proteção são soleiras ou diferenças de níveis entre ás áreas com umidade constante e o piso.

Reprodução: Pinterest

Antes da instalação de acabamentos, lembre-se também de aplicar silicone entra a base e a soleiras, evitando que água escorra para o piso.

No dia a dia, é recomendável o uso de um aspirador de pó ou uma vassoura de cerdas macias para realizar a limpeza. Em casos mais graves, um pano certos produtos de limpeza podem ser úteis.

Essas são algumas dicas de produtos que podem ser utilizados (em pequenas quantidades, de preferência em umedecidos em um pano) de acordo com a origem da mancha:

Graxa de sapato, suco de uva, vinho, café, refrigerante, batom, mercúrio, esmalte de unha, tinta esmalte: utilizar detergente e água.

Caneta esferográfica: utilizar álcool.

Tinta látex: utilizar apenas água.

Cola: utilizar removedor de esmalte.

Porcelanato tipo madeira

Reprodução: Printerest

Apesar de ser frio ao toque, os pisos de porcelanato que imitam madeira mantem o ambiente com aspecto tão aconchegante quanto os feitos com o material real.

Se bem escolhidos e assentados, esses pisos podem chegar a até 20 anos de uso. Confira durante a compra todas as especificações do produto selecionado para garantir um melhor aproveitamento do material.

Pós-obra, o uso de vinagre branco e saponáceo cremoso é recomendado para retirar restos de argamassa, rejuntes e outras sujeiras impregnadas durante o assentamento. Aplique o vinagre puro nas peças e deixe agir por alguns minutos. Em seguida, esfregue com uma escova e o saponáceo cremoso antes do enxague.

Nas limpezas rotineiras, recomenda-se o uso de detergente neutro diluído em água e aplicado em um pano.

Apesar de simular a madeira, não há necessidade de aplicação de cera sobre a superfície. Existem no mercado ceras especiais para materiais polidos, que formam uma película protetora que evita o contato direto com a sujeira. O produto, no entanto, não altera o brilho do piso.

O porcelanato é uma ótima solução para banheiros e cozinhas, pois não apresenta risco de deformações, comuns em madeiras expostas a um alto nível de umidade.

Ele também é bastante versátil, podendo ser usado até em paredes, como no caso do banheiro decorado do Origens Santana.   

Gostou das dicas? Que tal por as mãos na massa e usá-las para decorar um apartamento novo? Confira os empreendimentos da Tibério e more em um apê com a sua cara! Aproveite e siga o nosso perfil no Instagram para se inspirar com mais dicas de decoração!

Sobre o autor

Avatar

Desde 1964 construindo uma trajetória de qualidade e solidez.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: